Novidades

Dengue: um mal que pode ser combatido


Causada por um vírus da família Flaviridae, a dengue é uma doença infecciosa, febril e aguda, transmitida no Brasil, através do mosquito Aedes aegypti, quando infectado pelo vírus.
Nos últimos 10 anos, foram notificados no Brasil mais de três milhões de casos de dengue; por isso, conhecer os sintomas e saber a hora certa de procurar o médico é fundamental para decidir a tempo as condutas terapêuticas mais adequadas.

Há suspeita de dengue em casos de doença febril aguda com duração de até 7 dias, acompanhada de, pelo menos, dois dos sintomas a seguir: dor de cabeça, dor atrás dos olhos, dores musculares, dores nas articulações, prostração e vermelhidão no corpo.

O diagnóstico da dengue é realizado com base na história clínica do doente; exames de sangue inespecíficos, mas esclarecedores, como hemograma, contagem de plaquetas; e os específicos como a pesquisa de anticorpos antivírus da dengue, IgG/IgM e, em casos eletivos, o isolamento do vírus através da cultura. Os testes de pesquisa de anticorpos IgG/IgM são realizados no IPC e liberados no mesmo dia.

Para prevenção da dengue, é necessário evitar o nascimento do mosquito, já que não existe vacina ou medicamentos que combatam a contaminação. A regra básica é não deixar a água, principalmente limpa, parada em qualquer tipo de recipiente.

Atualmente, a dengue é considerada um dos principais problemas de saúde pública de todo o mundo.